Usar todas as ferramentas que temos à mão!

Nossa Campanha está começando a sair da fase exclusiva de negociações e entrando no momento de consulta à categoria para decidirmos se aceitamos as contrapropostas do governo. Negociar, discutir, argumentar, tudo isso faz parte do processo de luta. Quando nossos argumentos para convencer o governo de que nossas reivindicações são justas não são suficientes, temos que estar preparados para utilizarmos todas as ferramentas de luta que nos restam.
Temos que ir preparando os espíritos e as consciências para a possibilidade destas ações. Os espíritos, para que possamos agir como um só corpo, uma só categoria, que sente a força do coletivo e que se ampara no companheiro que vai ao lado. As consciências, para que todos saibam que em momentos como estes os enfrentamentos são duros. Por estar com o espírito e a consciência preparados é que a Direção do nosso Sindicato chama todos à mobilização total! Não vamos agir de forma irresponsável e não vamos abrir mão de nossos direitos! Queremos a nossa parte!

Pesquise