Em continuidade à Jornada de Lutas, SINDSERV e trabalhadores do Complexo Centro travam o trânsito

Nem a chuva conseguiu segurar os trabalhadores públicos de São Bernardo que pararam o trânsito no começo da noite de 15 de abril, em frente à Secretaria de Segurança Urbana. GCMs, trabalhadores da SEDESC, do Poupatempo, da Cultura, da Educação, da SU, da Câmara, do Paço, estiveram junto com o nosso Sindicato e demonstraram total insatisfação com o prefeito que propôs iniciar as negociações apenas em maio, desrespeitando a data-base que é em março.

"Se estivermos organizados e falando a mesma língua, teremos conquistas. Temos que nos fortalecer e lutar pela nossa data-base, precisamos resgatar o poder aquisitivo dos nossos salários. O trabalhador público não pode mais esperar", afirma o vigilante, Edilson Malaquias, o Batata.

"Hoje estamos aqui, lutando por nossas reivindicações da Campanha Salarial e contra o PL 4330, da terceirização. Amanhã vamos parar, junto com os trabalhadores do Complexo Tiradentes, a avenida em frente ao CEU Regina Rocco. Nós só vamos parar quando formos atendidos", conta Giovani Chagas, Presidente do SINDSERV.

Negociação já!

Clique aqui e veja as fotos do ato.

Leia também:

Vem pra luta! Dia 24 de Abril, 2º Grande Ato da Campanha Salarial

SINDSERV explica paralisação em programa da Rádio Paraty

Fique por dentro de tudo que está acontecendo! Baixe o aplicativo do SINDSERV. É grátis!

Pesquise