Rodada de negociação acontece nesta quinta

Logo depois da reunião, vamos nos reunir em Assembleia e decidir os próximos passos da Campanha.

Depois de ocuparmos a Câmara, na manhã do dia 29, os vereadores se reuniram com diretores do SINDSERV e membros dos CSBs e deliberaram que o líder do governo intermediasse uma reunião com o prefeito. Quase uma hora depois, a resposta: o prefeito agendou a reunião para o dia 7 de maio.

NÃO VAMOS PARAR!

A reunião agendada pode ser considerada como um avanço, visto que o prefeito deu declarações à imprensa e em atos públicos que só receberia o Sindicato na segunda quinzena de maio, porém, não significa que tenhamos qualquer garantia de que esta reunião já trará os resultados que pretendemos.

O presidente Giovani Chagas explica que o agendamento foi fruto de nossa Jornada de Lutas, em diversas regiões, com ampla adesão da categoria e apoio da população, assim como a decretação do ESTADO DE GREVE.

O SINDSERV convoca a todos para continuarem na luta: Na assembleia do dia 7, os trabalhadores irão conhecer o conteúdo discutido na Mesa de Negociação, e deliberar sobre a necessidade de intensificar a mobilização da categoria para uma possível greve. "Se não houver avanços nesta reunião, cremos ser essa a alternativa", diz Giovanni Chagas.

Pesquise