Marcha Mundial das Mulheres agradece o apoio do SINDSERV na realização da 4ª ação internacional, no Vale do Ribeira

Sob o lema "Seguiremos em Marcha até que todas sejamos livres" mais de 400 mulheres do estado de São Paulo e do Paraná se reuniram entre os dias 10 e 11 de julho de 2015, na cidade de Registro, no Vale do Ribeira, para realizar a 4ª Ação Internacional das Marcha Mundial das Mulheres.

A ação teve como princípio orientador o debate em torno do eixo corpo, trabalho e território onde destacamos as experiências na construção de alternativas em defesa dos territórios das mulheres, que são compostas por nossos corpos e pelo lugar onde vivemos, trabalhamos e desenvolvemos nossas lutas. Reafirmamos a defesa por outro modelo de sociedade onde a reprodução da vida – e não do lucro - esteja em primeiro lugar.

As militantes da Marcha Mundial das Mulheres demonstraram que a luta feminista está mais viva do que nunca. A realização desta Ação foi um exemplo de auto-organização das mulheres, reunidas em um feminismo popular e militante, que tem como componente importante a solidariedade entre as mulheres de todo o mundo.

O sucesso de nossa ação só foi possível a partir da solidariedade e apoio de companheiras e companheiros que acreditam que o feminismo é fundamental para mudar o mundo e mudar a vida das mulheres.

Nós, da Marcha Mundial das Mulheres, agradecemos a contribuição do SINDSERV São Bernardo com a construção da 4ª Ação Internacional em São Paulo.

São Paulo, 15 de julho de 2015

Marcha Mundial das Mulheres

Pesquise