CUT debate estratégias para enfrentar impactos da Reforma Trabalhista

Dirigentes de Sindicatos e Federações do Estado de São Paulo participaram, nesta sexta-feira, 6, do encontro “Fortalecimento do projeto político organizativo da CUT”, na sede da Central, na capital paulista, para discutir estratégias e ações com os trabalhadores a partir dos impactos da Reforma Trabalhista.

Realizado pela Secretaria de Organização da CUT-SP em parceria com a CUT Nacional, a atividade contou com mesas de debate sobre os efeitos que podem ser causados nas relações de trabalho a partir de novembro, quando passa a vigorar a nova lei aprovada pela base do presidente ilegítimo.

Entre os convidados, estiveram o ex-ministro chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República no governo Dilma Rousseff, Gilberto Carvalho, o assessor técnico do Dieese, Fausto Augusto Júnior, e dirigentes da CUT nacional e estadual.

Nosso Sindicato foi representado por José Rubem, Presidente, Dinailton Cerqueira, Diretor de Finanças e Administração, e Vivia Alves, Secretária-Geral.

Luta pela anulação da reforma continua!

Além de pensar em novas estratégias, a CUT continua na campanha pela anulação da reforma.Precisamos do seu apoio para apresentarmos um projeto de lei de iniciativa popular pela revogação deste verdadeiro desmonte dos direitos trabalhistas.

 

Baixe o formulário do abaixo assinado e ajude a recolher assinaturas, você é de grande importância nesta árdua batalha.

 

Baixe manual coleta de assinaturas para anulação da reforma trabalhista: 

http://sindservsbc.org.br/multimidia/biblioteca/viewdownload/16/1350.html

 

Baixe o formulário de coleta de assinaturas para anulação da reforma trabalhista:

 http://sindservsbc.org.br/multimidia/biblioteca/viewdownload/16/1351.html


Pesquise