Educação: todos à reunião no dia 10 de outubro

reuniao 10/10No dia 10 de outubro, às 18h00, na sede do SINDSERV, acontece uma importante reunião para o futuro da educação de qualidade em nossa cidade. Vamos apresentar o resultado das discussões travadas com a Administração na Mesa Permanente de Negociações. Faremos um balanço deste momento de negociações e apresentaremos um cronograma para conhecimento e discussão da contraproposta, que passará por análise jurídica e econômica de nossa assessoria.

Contraproposta da SE deve ser apresentada nesta semana

Depois de divulgarmos nos veículos de comunicação de nosso Sindicato que a contraproposta da SE seria apresentada, conforme compromisso assumido em reunião da Mesa Permanente, finalmente há a sinalização de que o documento será entregue ao SINDSERV no decorrer desta semana. A Secretária Geral do SINDSERV, professora Cássia Tochetto, explica como foram as discussões: "Travamos debates intensos e, em alguns pontos, tivemos entendimentos, como equiparação de salário para professor substituto. Apresentamos pontos dos quais o Sindicato não abre mão, como a extinção de cargos do trio de gestão e EOT. Agora, com a divulgação oficial da contraproposta, poderemos aprofundar a discussão com a categoria e tomar uma decisão coletiva".

As redes sociais têm servido de importante espaço de debate sobre o estatuto e, nos últimos dias, várias mensagens, tanto por parte dos trabalhadores, quanto por parte da Administração, foram postadas. Porém, há muita especulação e só teremos certeza do que está proposto quando o documento oficial da SE for apresentado. Vamos ficar todos atentos e não vamos aceitar a prática anti-sindical, como ocorreu no final do ano passado, quando a proposta foi enviada aos trabalhadores e somente depois ao Sindicato, ou que seja enviada à Câmara sem que os profissionais tenham decidido. O nosso futuro esta em nossas mãos.

Quem decide são os trabalhadores!

Após a ampla divulgação da contraproposta, com análise dos pontos positivos e negativos que ela possa conter, vamos organizar discussões com a rede para garantir que todos os educadores estejam conscientes da decisão que será tomada. Nem o Sindicato sozinho, nem grupos, nem quem defende interesses pessoais pode estar acima da decisão soberana da categoria. Por isso, insistimos que o momento é de análise, esclarecimento de dúvidas e tomada de decisão consciente, livre de pressões ou de radicalismos que podem retardar, ainda mais, este processo de decisório.

O Presidente do nosso Sindicato, Giovani Chagas, insiste na importância da participação da categoria: "O SINDSERV, enquanto representante da categoria, tem o dever de participar das negociações e de apresentar as demandas e o ponto de vista dos trabalhadores. Foi isso o que fizemos. Agora, o momento é de decisão. Vamos nos aprofundar no debate, esclarecer todas as dúvidas e garantir o direito de decisão a todos e todas" afirma o presidente. "Como sempre afirmamos, o Sindicato negocia, mas quem decide é o trabalhador", conclui Chagas.

Pesquise