Em defesa dos servidores e do serviço público de qualidade

Bolsonaro quer tirar 4 meses de salários dos trabalhadores brasileiros

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A nova movimentação econômica do presidente Bolsonaro visa, novamente, prejudicar o trabalhador brasileiro. Em medida provisória publicada nesta segunda-feira (23), o chefe do Executivo quer dar permissão para as empresas suspenderem os contratos de trabalho vigentes por até 4 meses.

A medida é válida durante o estado de calamidade pública instalado durante a pandemia do coronavírus. Entretanto, assim como uma série de medidas que vem prejudicando trabalhadores brasileiros, não há nenhuma proposta de arrocho no sistema político ou setores de dispõem de lucros exorbitantes, como os bancos.

Mais uma vez, o presidente Bolsonaro quer que o trabalhador, que está na linha de frente do país, pague pela tragédia. O Sindserv repudia a medida provisória e se coloca contra toda e qualquer ação que retire ainda mais benefícios e direitos dos trabalhadores.

Deixe um comentário