Em defesa dos servidores e do serviço público de qualidade

Usuários do IMASF e Sindserv SBC protestam contra desmonte do instituto em frente à casa do prefeito

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
No último domingo(27/06) o Sindserv SBC participou do ato organizado pelos usuários do IMASF (Instituto Municipal de Assistência à Saúde do Funcionalismo) em frente à casa do prefeito Orlando Morando. Ressaltamos que todas as tentativas e pedidos de diálogo nos espaços institucionais foram buscadas, até o momento, sem sucesso.
O ato contou com a participação de cerca de 200 servidores, que pediam pela transparência dos dados, por diálogo e contra a venda da carteira. Lembramos que o IMASF é uma conquista dos trabalhadores e trabalhadoras do serviço público de São Bernardo do Campo, que lutam desde 1964 por um atendimento médico digno para quem atende a população da nossa cidade nas escolas, nos hospitais, nos espaços de cultura, na segurança pública, administração e manutenção da nossa cidade.
“Por dois anos, os Segurados contribuíram, sem usufruir qualquer benefício, para a formação dos recursos que possibilitaram a implantação da assistência médica e previdenciária, já existente desde 1962 – Fundo de Previdência Social (Lei Municipal nº 1033/62)” https://www.saobernardo.sp.gov.br/web/imasf/quem-somos
Hoje, quando muitos dos servidores que sonharam e implementaram essa instituição mais precisam, a prefeitura alega que o IMASF dá prejuízo, mas não apresenta os dados e informações de forma transparente e sequer dialoga com a categoria e os conselheiros. Em uma atitude autoritária lança um edital para a venda da carteira. Saúde não é mercadoria!
O Sindserv SBC reforça que considera legítima toda a manifestação planejada pelos trabalhadores e trabalhadoras do setor público de São Bernardo do Campo diante da proposta iminente de extinção do IMASF. Reforçamos que no dia 30 de junho (quarta feira), às 10h30, uma ação será realizada em frente ao prédio do IMASF com caminhada e carreata até a Câmara, no Paço Municipal. Juntos e juntas somos mais fortes!

Deixe um comentário